4 medidas para driblar a crise

4 medidas para driblar a crise

Como superar os obstáculos do momento? Leia abaixo

Não é novidade para qualquer administrador que atualmente o Brasil vem passando por um momento delicado no que tange a economia. Empresas fechando as portas, vendas baixas, profissionais desmotivados, corrupção, altos impostos e o pouco incentivo governamental são alguns dos fatores a se considerar neste universo.

O que fazer para superar estes obstáculos?

A resposta a esta pergunta nos remete ao fator chave de sucesso em qualquer organização, ou seja o fator humano, e por consequência o que podemos fazer para otimizar ganhos em nossa organização? Desta maneira cabem as seguintes dicas para dar um up e vencer a crise!

1. Venda valor e não preço

Alguns profissionais ainda acreditam que para se manter competitivo o preço é o fator chave, claro que é algo a se considerar, porem devemos desenvolver uma cultura voltada a VALOR, ou seja o que conseguimos fazer para agregar a nossa marca, seja através de uma boa embalagem, produto com qualidade final superior, ou um pós vendas eficaz, entre outros;

2. Qualificação profissional

Manter profissionais qualificados e que atendam as exigências tanto da empresa, como dos clientes é ponto chave para driblar a crise. Neste quesito a DEMISSÃO deve ser considerada somente em casos extremos, pois o tempo gasto com uma nova contratação torna-se caro e oneroso e o resultado pode não ser tão positivo;

3. Endividamento dos colaboradores

Por mais estranho que possa parecer ter uma preocupação com o endividamento dos colaboradores é necessário e deve fazer parte do universo empreendedor.  O fato é que colaboradores que gastam mais do que ganham acabam indo trabalhar com a cabeça “cheia”, não rendem como deveriam, pois a sua preocupação esta mais voltada as suas finanças pessoais do que com os objetivos empresariais;

4. Planejamento de crise 

Um erro comum entre algumas empresas é a falta de planejamento frente a crise, tanto no que tange ao que irá acontecer no mercado ou o que fazer daqui para frente. Empresas normalmente só se preocupam com baixas vendas quando já se encontram com seu faturamento baixo. Quando a situação esta favorável dificilmente alguma delas trabalha com reserva de caixa, ou investe em novos produtos ou serviços, portanto deve-se criar ações para otimizar estes pontos, pois se a crise é eminente e a situação não é favorável no curto e no longo prazo, sem ter um plano de gestão da crise a probabilidade da perda ser superior a todas as ações emergenciais. PLANEJE, CRIE AÇÕES, VENÇA!

Pratique estes pontos e sucesso!


Fonte: Artigos Administradores / 4 medidas para driblar a crise

Os comentários estão fechados.