A crise sempre existiu

A crise sempre existiu

Aprenda a se sentir realizado sendo e não tendo porque ser não ocupa espaço e não se inflaciona. Caminhe cada passo de cada vez, nunca compre para tentar impressionar, aproveite o fruto do seu trabalho e quando você menos esperar estará realizado financeiramente

Em meio à instabilidade econômica no momento delicado que o país atravessa, a palavra crise passou a ser uma bela desculpa para a falta de educação financeira da grande maioria dos brasileiros. A verdade é que realmente estamos vivendo uma fase preocupante atualmente, porém a raiz do problema financeiro individual dos brasileiros tem raízes bem mais antigas que a atual crise financeira.

A crise sempre existiu e está intrinsecamente ligada a um dos piores males da humanidade que se agrava a cada dia que passa: o consumismo. Sim, o consumismo é uma crise que sempre existiu e talvez nesse atual momento de instabilidade seja o momento em que ele menos opera. Com a diminuição do poder de compra e ameaças constantes de mudanças futuras provocada pela crise de âmbito nacional, pensa se duas vezes antes de comprar algo que não se precisa necessariamente e com isso o consumismo despenca gradativamente. O problema é que os efeitos dessa crise crônica, que é o consumismo, podem perdurar por muito tempo agravando ainda mais a situação.

Quando a economia do país está indo bem a crise individual é maquiada pelas condições que o mercado oferece de se ostentar o que não se tem e com isso transmitir a falsa aparência de que tudo está bem, mas na verdade não está. Gastar mais do que se ganha é normal na sociedade consumista e isso é crise, muitas pessoas não conseguem controlar o gasto do cartão de credito, por exemplo, e lidam com uma verdadeira bola de neve na sua conta bancária. Aqueles que conseguem se blindar do vicio da compra desnecessária está preparado para enfrentar os momentos de instabilidades financeira do país e muitas vezes fazem destes uma oportunidade lucrativa.

Mas como se livrar das jogadas de marketing e armadilhas capitalistas que nos rondam diariamente? Na TV, nas redes sociais e internet em geral o consumismo está sempre a lançar a sua isca. O problema é que provavelmente a única educação financeira que nos ensinaram na escola foi a fábula da cigarra e a formiga, nada além disso. Em meio a uma sociedade que tem como sinônimo de felicidade o ter e não o ser, quem consegue se livrar do consumismo não sente tanto a crise externa, afinal ele sabe que a economia é uma variável incontrolável ao passo que o controle do próprio bolso pode amenizar possíveis oscilações desta economia. Aprenda a se sentir realizado sendo e não tendo porque ser não ocupa espaço e não se inflaciona. Caminhe cada passo de cada vez, nunca compre para tentar impressionar, aproveite o fruto do seu trabalho e quando você menos esperar estará realizado financeiramente.


Fonte: Artigos Administradores / A crise sempre existiu

Os comentários estão fechados.