Administradores: desvalorizados por um acaso

Administradores: desvalorizados por um acaso

O curso superior em Administração é o que mais cresce no Brasil, sendo atualmente o número 1 em matriculas. Mas ainda por falta de conhecimento e ignorância, o curso sofre certas rejeições por parte de um empresariado ainda conservador e sistemático

O Censo da Educação Superior, realizado pelo IBGE no ano de 2012, revelou o curso superior em Administração como o mais procurado no Brasil. Somente naquele ano 833.042 novas matriculas foram efetivadas. Atualmente mais de 1.500 IES oferecem o curso, formando todos os anos 114 mil novos administradores.
 
Além de ser o curso superior número 1 no Brasil, Administração também é o primeiro colocado nas graduações dos Estados Unidos da América, dados apontam que 19% dos graduados no País, são administradores. Além disso os cursos em MBA são muito requisitados, logo então Engenheiros, Advogados, Economistas e diversos outros profissionais optam por uma especialização voltada a Administração. 
 
O curso engloba disciplinas relacionadas a diversas áreas; Tecnologia, Saúde, Exatas, humanas e demais. Devido algumas vezes a ignorância, o curso não é tão valorizado e principalmente devido a ganancia financeira, por considerar que o curso não da retorno financeiro como o esperado, muitos optam por Direito, Odontologia, Medicina e Engenharia. Mas  por visar simplesmente o dinheiro imediato e não o que realmente gostam, muitos acabam não sendo profissionalmente felizes. 
 
Recentemente visitei um mercado de bairro de um amigo, após alguns minutos de conversa o mesmo me pergunta qual graduação eu estudo, de imediato respondo: Administração; O mesmo muito espantado, exclama “- Eu não perco 4 anos de minha vida, sentado em um banco de faculdade, estudando Administração. Eu tenho um amigo que o filho dele estudou Administração e hoje ele trabalha entregando cartas!”
 
Então calmamente, respondi: – Em primeiro lugar, em um país onde 60% da população vive com menos de 1 salário minimo, receber o salário de um carteiro já é um grande beneficio. Segundo, ter um curso superior não significa que você é melhor que outra pessoa! Um simples exemplo é o Silvio Santos, não precisou ter uma faculdade de Jornalismo para tornar-se o maior apresentador de TV do Brasil, muito menos Administração para ser um dos maiores empresários do país. Silvio Santos é formado em técnico em contabilidade. Dedicação é a palavra chave, não que o filho do seu amigo não tenha dedicado-se ao curso. Mas quem vai para a faculdade e cola durante as provas, vai para a faculdade afim de consumir bebidas alcoólicas. Não pode exigir após a formatura, o melhor emprego, na melhor empresa. 
 
E isso não vale apenas para o curso de Administração, esse panorama é geral para todos os demais cursos. Dedicação e empenho são palavras chaves para qualquer vitória, e sem nunca esquecermos ” Para todo benefício, um sacrifício”. Mal sabe esse meu amigo o tão importante seria para sua vida um curso de Administração, a concorrência tomando conta do mercado na região e ele ainda forte, graças ao uso do “caderno”. 
 
Ao entrar em seu estabelecimento, logo percebi que o layout da loja deve ser readequado, otimizando o espaço, arejando mais o ambiente e dando mais possibilidade para a luz natural clarear o local. Talvez se o mesmo por conta própria fizesse uma análise de seus concorrentes, incluindo o concorrente mais próximo a cerca de 500 metros, poderia readequar um pouco mais o seu estacionamento. Talvez o mesmo não perceba, que pode vir estar tendo prejuízo, uma vez que o controle financeiro é inexistente. O mesmo não mantém um controle sobre ativos e passivos e o dinheiro do caixa é utilizado sem controle para pagar despesas pessoais dos seus filhos. Um organograma não é estabelecido, uma vez que ele e sua esposa comandam o negócio e por muitas vezes os funcionários recebem ordens diferentes de ambos. Fluxograma é inexistente, pois por ” falta de tempo “, mercadorias estavam ” jogadas ” no estacionamento. O seu mix de marketing não é definido, e ai de quem atrever-se em comentar sobre uma promoção; Ele vai dizer que isso é só jogar dinheiro fora! Gestão de pessoas? O que é isso? Lá as chamadas de atenção, acontecem normalmente, em frente a demais colaboradores e clientes. Missão e visão? Nem um pouco de noção o quão importante seria, saber quem ele é e onde quer chegar. Análise de swot? Não, a única conhecida é a SWAT, unidade da Policia Norte Americana altamente treinada. 
 
A valorização do profissional de Administração, se da pela própria valorização do administrador. Humildade e os pés no chão, são um bom caminho a seguir. Não é apenas o fato de você ser formado ou acadêmico, que tem poderes para salvar o mundo. Mesmo qualquer um de nós, após um breve diagnóstico citado acima, intervindo através de uma consultoria ou medidas de direção, não seria a certeza absoluta em salvar tal empresa. Tal maneira em que o mercado é incerto e as possibilidades são infinitas. 
 
Esse mês comemoramos mais um dia do Administrador, certos de nossa importância para um Brasil mais competitivo e uma nação mais forte. O desejo por nossa valorização, é uma luta continua. Já estamos bem adiantados, somos o curso superior número 1 em matriculas no Brasil e a tendência é só mais crescimento nos próximos anos. 
 
Parabéns para todos nós, graduandos e graduados!


Fonte: Artigos Administradores / Administradores: desvalorizados por um acaso

Os comentários estão fechados.