Como gerar impacto em um feedback

Como gerar impacto em um feedback

O método que vem revolucionando a forma de dar feedback

O feedback é  uma poderosa ferramenta de desenvolvimento pessoal. Ele nos possibilita aprender algo sobre nós mesmos e pode nos dar a sensação de apoio, tanto quando queremos preservar um comportamento ou quando da necessidade de mudança.

No mundo organizacional, apesar de entendida como fundamental para o sucesso da organização, esta ainda é uma prática pouco valorizada. Líderes e liderados muitas vezes temem o momento de feedback e o associam unicamente a algo que estão fazendo errado. E mesmo quando cheios de boas intenções, líderes falham em comunicar aquilo que gostariam e deixam de gerar as mudanças necessárias em suas equipes. E esquecem-se de que também são liderados.

O Center for Creative Leadership – CCL desenvolveu uma ferramenta para auxiliar os gestores a tirar o máximo de proveito de um feedback e gerar resultados para a organização a partir da mudança de comportamento das pessoas.

Eles a chamam de S.C.I.

Antes de explicar o que é o SCI, é importante apresentarmos três premissas para se dar um feedback, assim como definidas pelo CCL. São elas:

  1. Quem recebe o feedback decide como reagirá a ele – você não pode fazer com que a pessoa fique feliz ou triste com seu feedback. A mesma mensagem entregue da mesma forma para duas pessoas poderá gerar reações bem diferentes em cada uma delas.
  2. Pessoas tendem a receber melhor o feedback quando este não é autoritário – isso tem a ver com a diferença entre autoridade e autonomia, condescendência e respeito, dominação e colaboração. Se a pessoa percebe o feedback como autoritário é mais provável que ela reaja de modo adverso, ou apático
  3. Quem está recebendo o feedback não é responsável pelos pensamentos e sentimentos dos outros – a pessoa não pode ser responsabilizada pelas reações de outros. Muito parecido com o primeiro princípio, as pessoas escolhem como reagirão diante de um determinado comportamento, portanto não podemos dizer que o fato de alguém ter se exaltado, chorado, ou rido é responsabilidade, ou culpa dela.

Tendo estes princípios em mente o CCL desenvolveu a metodologia SCI.

O objetivo é mostrar à pessoa de maneira mais neutra possível o impacto de suas ações e comportamentos, para que aí sim, se necessário, apresentar um feedback mais autoritário, sugerindo à pessoa o que ela deveria, ou poderia, fazer.

O SCI significa: situação, comportamento e impacto,  entendidos da seguinte maneira:

Situação – Consiste em situar o receptor com clareza sobre o teor do que está sendo abordado, incluindo a descrição exata da ocasião em que o comportamento ocorreu. Expressões rígidas como “sempre” ou “nunca” são descartadas

Comportamento – Consiste em relatar as ações ou exemplos específicos que caracterizam o comportamento do receptor. Não inclui opiniões pessoais ou generalizações feitas pelo emissor. São fatos, objetivamente percebidos

Impacto – Consiste na descrição das consequências mais expressivas causadas pelo comportamento do receptor, isto é, como as pessoas reagiram frente ao comportamento e os resultados obtidos

Por exemplo: “Amanda durante a sua apresentação ontem à tarde eu percebi que você interrompeu as pessoas diversas vezes, isso fez com que as pessoas começassem a discutir, defendendo seus pontos de vista e isso me incomodou, pois perdemos o foco e atrasamos a entrega para o nosso cliente.

O foco é no comportamento e no impacto gerado. É específico sobre quando e onde o comportamento ocorreu, sem generalizações. Não há julgamento de valor, não diremos por exemplo, que ela foi grossa com a equipe. Também não diremos o que ela deveria fazer como: “você não deve ficar interrompendo”, ou, “você deve ouvir mais as pessoas”. Frases autoritárias, onde de certa forma estou dizendo que sei o que você deveria fazer, só geram resultado uma vez que a pessoa percebeu o impacto de seus atos e está aberta a sugestões.

Evitar julgamentos e acompanhar as pessoas que fazem parte da equipe para dar um feedback com foco nos comportamentos, pode parecer a princípio um grande desafio para fazer uso deste método, porém aqui pode estar a chave para feedback realmente eficaz e que gere mudanças benéficas para você como líder, para a pessoa que o recebe e para a organização.

Como o SCI se encaixa na sua realidade?


Fonte: Artigos Administradores / Como gerar impacto em um feedback

Os comentários estão fechados.