Home office – vantagens e desvantagens

Home office – vantagens e desvantagens

No mundo de hoje é difícil quem não trabalhe em casa, mas como fazer uma boa gestão desta ação?

Num mundo cada mais diferente de quando as leis trabalhistas foram elaboradas, onde hoje as novas gerações pensam, agem e trabalham diferente. E as empresas e organizações não podendo menosprezar esta nova geração como força de trabalho e até como clientes, mudaram a maneira de interagir no ambiente de trabalho e até de terem as equipes distribuídas pelo País e pelo mundo.

Não só a questão de aceitação da nova geração, mas as empresas e organizações enxergaram nisso também uma redução de seus custos, com o seu contratado consumindo seus recursos, ao invés dos da empresa. Com a tecnologia evoluindo como evoluiu ao longo dos tempos, esta atividade também foi incentivada cada vez mais.

Outro aspecto que poucos devem pensar, mas que também deveria ser considerado, é o deslocamento das pessoas nos grandes centro urbanos. Com as pessoas trabalhando em casa, menos carros nas ruas, o que facilitaria muito a melhorar este problema, mas isso como cito acima, não é uma ação coordenada pelos governos e empresários, e com baixo impacto ainda no caos dos transportes públicos.

Do lado da pessoas que opta trabalhar em casa, alguns alertas devem ser tratados. Como tratei acima, os recursos são das pessoas, por isso, luz, internet, água, etc, devem fazer parte dos custos da pessoa e que devem ser negociados na remuneração que a pessoa receberá, sendo do quadro de pessoal ou terceirizado, ou até como pessoa jurídica. E já que escrevi sobre internet, este é um recurso importante quando se planeja trabalhar em casa. Com a infraestrutura, não evoluindo na mesma proporção que a tecnologia, a de se ter cuidado, porque os investimentos das operadoras não são compatíveis com a nossa necessidade, especialmente para residências domésticas, que algumas regiões do Pais e até em alguns bairros dos grandes centros é sofrível e instável. é duro contar entregar um relatório ou fazer uma vieoconferencia e no momento a infra não acompanha a expectativa. 

Outro aspecto que diz respeito a ambos os lados, mas que o colaborador neste caso deve estar atento, é quanto ao ambiente em casa para ser seu escritório de trabalho. A recomendação é de que seja o mais isolado possível do restante da casa, para que não haja interferência da rotina da casa atrapalhar sua produtividade. As pessoas que ficarem em casa tem que contribuir, sabendo que não está disponível em casa para trabalhos dosmésticos, nos horários determinados e combinados para produzir. O silêncio deve ser adequado ao mundo corporativo para que não haja procrastinação, a gestão do tempo passa a ser muito importante e é responsabilidade e uma relação de confiança entre as partes.

Então antes de começarmos a praticar esta nova modalidade de trabalho, é importante ter um documento, com os direitos e obrigações das partes, para que não existam dúvidas, nem cobranças indevidas e estresses desnecessários, a confiança deve existir, mas todos devem estar confortáveis com as regras. A legislação trabalhistas, da época de Getúlio, não está preparada para estes modernismos todo, então não custa acertar os ponteiros no início.

Já que trata-se de confiança a minha opinião, depois de mais de trinta anos de atuação no ambiente corporativo, e muitos deles como líder e gestor de equipes, é de que não se controla produtividade no cartão de ponto. Esta é uma ferramenta para o ministério do trabalho e não para acompanhar produtividade. Hoje existem softwares que controlam a entrada e saída da rede e dos aplicativos, mas eu acho que os processos das organizações e empresas devem ser capazes de definir marcos de entrega e acompanhamento das tarefas, com métricas internacionais estabelecidas e que possam expressar a produtividade e logicamente com um mínimo de contato visual presencial, porque afinal de contas somos humanos e necessitamos viver em coletividade e o olho no olho ainda é importante.

E você o que pensa desta modalidade de trabalho? como poderia acontecer na sua empresa ou organização? É uma boa reflexão.


Fonte: Artigos Administradores / Home office – vantagens e desvantagens

Os comentários estão fechados.