'Lula inflado' reaparece em cartão postal de São Paulo

‘Lula inflado’ reaparece em cartão postal de São Paulo

Rui Falcão, presidente nacional do PT, acusou os criadores do boneco de tentar destruir a imagem do ex-presidente

O ‘Lula inflado’, boneco inflável gigante do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, conhecido inicialmente nos protestos do último dia 16, reapareceu nesta sexta-feira (28) na Ponte Estaiada Octávio Frias de Oliveira, em São Paulo.

Vestido de presidiário, o boneco de 12 metros de altura foi idealizado pelo Movimento Brasil e passou hoje por uma manutenção técnica. Segundo os criadores, o objetivo é que ele possa fazer um “tour” pelo Brasil, visitando as principais cidades do país e concientizando a população sobre os crimes cometidos pelo partido do ex-presidente.

Ao todo, o boneco custou R$ 12 mil e leva em seu peito o número do PT (13) e o 171, número que representa o crime de estelionato no código civil brasileiro.

Segundo reportagem do O Globo, o Instituto Lula enviou uma nota afirmando que o ex-presidente foi preso “porque defendia a liberdade de expressão e organização política no Brasil [na época da ditadura militar]”.

O boneco se tornou um dos símbolo dos últimos protestos contra o PT e claro, virou piada na internet por parte dos que apóiam o partido da presidente Dilma.

Rui Falcão, presidente nacional do PT, acusou os criadores da imagem de tentar destruir a imagem do ex-presidente. “Eles sabem qual é a liderança, qual é a força política que tem o PT. Não é por causa da eleição. Isso já vinha antes de a gente ter a Presidência. Tem uma série de episódios de tentar destruir o PT e destruir o Lula. São os mitos: casa do Morumbi, fortuna do Lula, conta no exterior. Uma série de ataques. Era (dizer que) o PT que ‘era da bagunça’, da greve, os barbudos.”, cita o político em reportagem do O Globo.

 


Fonte: Notícias Administradores / ‘Lula inflado’ reaparece em cartão postal de São Paulo

Os comentários estão fechados.