No momento da venda, os detalhes fazem a diferença

No momento da venda, os detalhes fazem a diferença

Para o consultor da Mega Empresarial, Roberto Vilela, algumas características dos vendedores estão em desuso. Além disso, o profissional destaca algumas dicas para obter bons resultados no setor comercial

Para muitos, vender pode ser uma atividade simples. Mas a profissão é cercada de mitos e paradigmas, já que vários são os rótulos, além das desconfianças geradas por pessoas que caem no mercado, sem preparo, foco ou, até mesmo, aptidão para a atividade. A comercialização de um produto ou serviço cada vez mais exige habilidade, técnica e sólidos conhecimentos a respeito do objeto da venda.

O consultor da Mega Empresarial de Blumenau (SC), Roberto Vilela, afirma que os velhos formatos de vendedores cheios de boas histórias e com vasto repertório de piadas e gracejos caminha para a extinção. “Empresas sérias e que buscam a alta performance nas vendas não podem manter em seus quadros profissionais como estes. O mercado está disputado, dinâmico e repleto de grandes desafios. Portanto, o espaço que resta é para aqueles que, de fato, estão preparados e são merecedores. Com frequência comento que a venda está muito mais vinculada à capacidade de ouvir e interpretar, por parte do vendedor, do que em sua habilidade de falar e convencer. Em ambientes competitivos, sobrevivem os que melhor se adaptam”, destaca.

Por isso, passa a ser fundamental que a equipe de vendas seja observadora e atenta aos detalhes durante todo o processo. Precisa estar concentrada desde o primeiro contato com o cliente, entender todos os sinais e características que possam conectar com o comprador. É importante lembrar que esta conexão será mais sólida sempre que for possível estabelecer interesses que ultrapassem o mero ato de compra e venda.

Para muitos profissionais, controlar a ansiedade, falar menos e ouvir mais e ser observador são grandes desafios. Porém, Roberto garante que o resultado será positivo e surpreendente. “Quando o profissional observa os detalhes com atenção e deixa que o cliente fale, desenvolve com o tempo a habilidade de perceber o momento em que este permite um ataque certeiro e preciso. A assertividade aumenta, os resultados melhoram e, principalmente, passam a ser vistos pelo mercado como profissionais e não mais como amadores”, lembra.

Paralelo a esta mudança comportamental, é necessário que o vendedor esteja ciente de que precisa se manter em forma, sempre preparado e com o conhecimento técnico afiado. “Existem inúmeras maneiras práticas e acessíveis para o desenvolvimento profissional. Jamais deixe de aproveitar os treinamentos, palestras e convenções que são oportunizadas por sua empresa. Por maior que seja a experiência e vivência, sempre se aprende ou ensina algo durante os seminários”, ressalta Roberto.

E por último, também é válido destacar que o simples fato de estar presente e disposto a colaborar, sinaliza para a empresa e para o time de vendas que além de bom, o profissional é humilde e ciente de que o conhecimento fortalece. Para finalizar, o consultor observa: “Mantenha a atenção e seu faro para os detalhes e oportunidades. Afinal, um bom caçador é percebido pelo olhar”.


Fonte: Notícias Administradores / No momento da venda, os detalhes fazem a diferença

Os comentários estão fechados.