Pequenas empresas, grandes negócios

Pequenas empresas, grandes negócios

O Brasil vive um grande momento, o das pequenas empresas, isso porque mesmo nesse momento de crise, elas estão crescendo. Vale lembrar uma frase muito conhecida que diz: “Enquanto uns choram, outros vendem lenços!”

Nosso país Brasil vive na atualidade um grande momento, o momento no qual as pequenas podem aproveitar para crescer, implementar ou melhorar o mercado onde atuam.

Isso porque, mesmo nesse momento de crise, essas organizações estão crescendo. Vale lembrar uma frase muito conhecida que diz: “Enquanto uns choram, outros vendem lenços!”

Isso é possível através de alguns passos que não dependem de grandes investimentos, ou melhor, envolvem investimentos do tamanho das possibilidades que seu potencial de negócio consegue suprir.

Neste artigo, quero listar pontos cruciais que aplicamos em nossos negócios e observamos que são efetivamente funcionais:

1º Passo: Trabalhe para que seu negócios seja aplicável em escala

Se você vende para um mercado especifico, pense em escalar com parceiros, abrir frente no seu bairro, em sua cidade ou em seu estado.

2º Passo: Busque por parceiros que possam somar

Com os parceiros certos, seja por indicação, parcerias em vendas ou apresentações de seus produtos, serviços ou negócios, fazer parcerias pode ajudar na expansão do negócio.

3º Passo: Ajuste o tempo do seu retorno x investimentos;

Analise bem onde você tem investido para o crescimento de vendas, mas pense também no institucional, pois: Quem é visto, é lembrado. Quem não e visto é esquecido!

Aplique ações que realmente vão fazer sua empresa se tornar uma das “pequenas empresas, grandes negócios” que estão em constante crescimentos no Brasil.


Fonte: Artigos Administradores / Pequenas empresas, grandes negócios

Os comentários estão fechados.