Quero crescer, mas “a empresa não deixa”

Quero crescer, mas “a empresa não deixa”

Você já se sente tecnicamente apto, já realizou todos os cursos possíveis para o crescimento, há vagas internas para concorrência, mas a empresa parece não entender que você quer. O que fazer?

Seu foco para você está claro: crescer na área que está se dedicando. Já realizou os cursos que ajudariam nessa empreitada (ou está concluindo), acha que já tem maturidade e espírito de liderança para coordenar uma equipe e possui todas as características para assumir algo maior. O resto é com a experiência em assumir o cargo. Mas, quem pode te promover talvez não esteja te vendo bem assim…

O que falta então? Enumerei algumas coisas que contam (e muito) para uma promoção. Não basta ter a técnica, tem outros fatores que podem ser cruciais para você conseguir sua tão sonhada promoção. Veja quais são:

1- Espírito de liderança: se o próximo passo for liderar uma equipe, você já tem que mostrar isso no cargo que está, tomando bastante cuidado para não passar por cima do atual líder. Esteja atento a “brechas” de como auxiliar o líder, caso não esteja dando conta da demanda (ser o braço direito), sugira substituí-lo em caso de ausência por força maior (doença, licença maternidade, curso fora da empresa, etc), sugira resoluções eficazes para a equipe, pois nem sempre a resolução tem que vir somente do superior. Sempre tudo com bastante respeito e apenas no intuito de mostrar que você consegue assumir uma equipe sua, caso haja essa possibilidade;

2- Controle emocional (ou inteligência emocional): é preciso aprender a coordenar seus problemas, principalmente os pessoais, a fim de não deixa-los interferir na jornada de trabalho. Silencie o celular, avise aos familiares para ligarem em caso de emergência e se você não atender, retornará assim que possível (de preferência na hora das suas pausas). Caso o problema não seja de pontual solução (que gere tristeza, mas você não pode fazer modifica-lo), tente não leva-los para o trabalho, focando nas tarefas do dia-a-dia ou até mesmo procurando ajuda profissional externa. Além disso, não se deixe levar por provocações de colegas que não fazem questão que você cresça. Pode acontecer e é preciso ter sangue frio nessas horas;

3- O quanto você conhece a empresa: no mínimo, você tem que ser bom no que faz atualmente e entender do setor para o qual quer ir. Além disso, precisa conhecer a empresa como um todo, saber quais são os outros setores, porque fabricam determinados produtos / serviços, missão, visão, valores. Na verdade, você já precisa saber isso desde o começo, mas aproveite para se atualizar e ficar apto para responder quaisquer perguntas, caso sejam feitas;

4- Porque deveriam te promover? Essa é uma pergunta muito feita em processos seletivos (porque deveríamos te contratar?), mas que pode ocorrer em uma promoção também. Tenha, na ponta da língua, do que a empresa vai se beneficiar te promovendo para tal cargo e tendo que arrumar outra pessoa para o cargo anterior;

5- “Diga-me com quem andas…”: é, infelizmente isso é muito levado em consideração nas empresas. Já vi amigos pleiteando cargos maiores e não conseguiam de jeito nenhum. Depois ficaram sabendo que o problema era alguém com quem andavam muito dentro da empresa e após essa pessoa se desligar, conseguiram tal promoção (após um tempo também). Infelizmente, dependendo do cargo que você quer, as empresas consideram muito esse tipo de comportamento e talvez julguem por quem você anda mesmo. Se for uma pessoa fofoqueira, ou que só gera intrigas, ou complicada de lidar… é preciso prestar atenção até com quem vamos nos relacionar nas empresas;

6- Como você trabalha atualmente: como citei acima, você deve ser bom no que faz se você quer um cargo com maior responsabilidade. E isso não só tecnicamente, mas através de sua organização, entrega dentro dos prazos estabelecidos, bom relacionamento interpessoal, flexibilidade e adaptação a mudanças, enfim, a forma que você trabalha hoje também é analisada para uma possível promoção. Não adianta fazer tipo apenas na época de divulgação da vaga. Sua história com a empresa também contará.

Talvez você já tenha muitos desses fatores desenvolvidos, mas sempre temos algum a melhorar. Veja o perfil da promoção que está pleiteando e entenda o que precisa melhorar para conseguir chegar lá. O resto, vem mesmo com a experiência de estar desenvolvendo aquele papel.

E boa sorte!


Fonte: Artigos Administradores / Quero crescer, mas “a empresa não deixa”

Os comentários estão fechados.