ROI em treinamentos: saiba mensurar de forma eficaz os resultados obtidos

ROI em treinamentos: saiba mensurar de forma eficaz os resultados obtidos

Através do ROI (Return On Investiment) em treinamentos, que é considerado o processo mais eficaz para medir os resultados dos investimentos, quando utilizado para mensurar os resultados dos treinamentos, aponta, de forma precisa e eficaz as vantagens e benefícios (ou não) obtidos através dos treinamentos realizados

É fato que através dos treinamentos é possível desenvolver habilidades e competências de equipes e gestores, além de aumentar a performance, resultados, reduzir custos, melhorar clima organizacional, agilizar processos entre outras dezenas de benefícios.

No entanto, muitas empresas deixam de investir em treinamento por não saberem mensurar os resultados do mesmo e se o investimento foi viável. Algumas empresas, inclusive, acreditam que os treinamentos devem ser realizados apenas para cumprir uma “tabela” obrigatória, devido a certificação existente ou cobranças. Este tipo de comportamento, além de ser um desperdício de tempo e dinheiro, elimina as forças do RH que deve atuar de forma estratégica e ter maior poder de decisão no direcionamento dos investimentos em desenvolvimento humano.

Através do ROI (Return On Investiment) em treinamentos, que é considerado o processo mais eficaz para medir os resultados dos investimentos, quando utilizado para mensurar os resultados dos treinamentos, aponta, de forma precisa e eficaz as vantagens e benefícios (ou não) obtidos através dos treinamentos realizados.

Para realizar um ROI em treinamentos, inicialmente deve-se levantar todos os custos diretos e indiretos relacionados com as atividades de treinamento. Informações como: o custo das horas que os colaboradores estarão sendo treinados e não executando suas tarefas, salários dos instrutores (terceirizados ou internos), despesas de locação, alimentação, hospedagem, materiais entre outros custos envolvidos em todo o processo do início ao fim.

Após realizar o treinamento, deve-se calcular o ROI, através dos benefícios obtidos.  Deve-se considerar, por exemplo, quais eram os resultados existentes antes do treinamento como realização de metas, retrabalho, acidentes de trabalho entre outros, conforme objetivo do treinamento desenvolvido. Informações como: antes do treinamento gastava-se 8 horas pra realizar uma atividade, após o treinamento reduziu-se para 5 horas. Ocorriam 6 acidentes de trabalho e após o treinamento 2.  Antes do treinamento as vendas estagnadas há 5 meses. Após o treinamento as vendas aumentaram 4% ao mês. Qual o valor estimado do benefício representado pelo ganho destas 3 horas diárias ou redução de 6 acidentes? E a diferença obtida através de um aumento de 4% mensal em vendas, o que isto proporcionará de ganhos após 12 meses, ainda mais vindo de período de estagnação?

Algumas empresas que calculam constantemente os custos do retrabalho ou os custo da não qualidade por exemplo. Estes resultados podem ser atribuídos ao treinamento ou a outras ações de melhoria.

Após a realização dos treinamentos e faça os seguintes cálculos:

  1. Calcule os Benefícios do treinamento
  2. Calcule os Custos
  3. Subtrai os Custos dos Benefícios
  4. Divida o Benefício Líquido pelo Custo

Se obteve por exemplo, um benefício: R$ 240.000,00,  custos: R$ 16.000,00 ROI: 14, ou seja para cada real investido em treinamento houve um retorno de R$ 14,00 (R$ 240.000,00 – R$ 16.000,00 = R$ 224.000,00 / R$ 16.000,00 = R$ 14,00).

Desta forma, busque mensurar os benefícios dos treinamentos realizados para que possa comprovar, cientificamente, que são viáveis (ou não) e conseguir assim direcionar melhor suas ações de forma a torna-las mais eficazes.

Sucesso!


Fonte: Artigos Administradores / ROI em treinamentos: saiba mensurar de forma eficaz os resultados obtidos

Os comentários estão fechados.