SBT, Record e RedeTV formarão joint venture, com aprovação do Cade

SBT, Record e RedeTV formarão joint venture, com aprovação do Cade

A associação entre as emissoras irá configurar uma empresa independente, com o objetivo de atuar licenciando canais para a TV fechada

Foi aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) a formação de um joint venture entre SBT, Record e RedeTV, sem restrição alguma. A resolução está publicada no Diário Oficial da União. As três emissoras se uniram para formar uma quarta empresa, independente, que visa atuar no licenciamento de canais de programação para prestadoras de serviços de TV por assinatura.

De acordo com informações de Exame, o joint venture gerará receita através da disponibilização dos seus canais para a TV fechada. A iniciativa vem em um momento em que, conforme reportado pela Exame, as empresas em questão consideram especialmente relevante a participação na televisão por assinatura, já que “no momento atual a TV aberta vem perdendo espaço para outras plataformas, fator que afeta negativamente a capacidade das requerentes de investir em aperfeiçoamento tecnológico e desenvolvimento de novos conteúdos”.

A união não é uma completa surpresa. Em agosto, foi ao ar no programa Domingo Espetacular, da Record, a visita de Silvio Santos a Edir Macedo, líder da Igreja Universal, no Templo de Salomão, em São Paulo. O encontro foi um dos assuntos mais comentados nas redes sociais e a audiência do referido programa na ocasião ultrapassou a das concorrentes. Uma das falas mais importantes da entrevista foi de Silvio Santos, que ratificou a necessidade de união por parte das emissoras, como falamos aqui. Ele afirmou que “todos estão no mesmo barco” e que deveriam se unir para que alcançar melhores resultados. “Seria muito melhor do que um ficar se digladiando com o outro”, falou a Edir Macedo.


Fonte: Notícias Administradores / SBT, Record e RedeTV formarão joint venture, com aprovação do Cade

Os comentários estão fechados.