Setor de embalagens do Brasil piora projeção de queda de produção em 2015

Setor de embalagens do Brasil piora projeção de queda de produção em 2015

No primeiro semestre, houve baixa de 2,59%

A Associação Brasileira de Embalagem (Abre) piorou a projeção para o volume bruto de produção de embalagens no Brasil em 2015, passando a prever declínio de 3 por cento no fechado do ano, a 57,5 bilhões de reais, ante projeção anterior de queda de até 1,5 por cento.

No primeiro semestre, houve baixa de 2,59 por cento, segundo estudo da Abre em parceria com o Ibre/FGV, que não informou a produção do período. “Uma possível retomada da indústria de embalagem não deve ganhar força antes de meados de 2016”, disse o economista Salomão Quadros, responsável pelo estudo.


Fonte: Notícias Administradores / Setor de embalagens do Brasil piora projeção de queda de produção em 2015

Os comentários estão fechados.