Smartphones tornam trânsito mais produtivo, diz estudo

Smartphones tornam trânsito mais produtivo, diz estudo

Em Nova York e Londres, por exemplo, mais de 70% acessam a internet enquanto se deslocam pela cidade

O ConsumerLab, área da Ericsson que estuda o comportamento dos usuários, lançou recentemente o relatório “Passageiros esperam mais”, que aborda o uso dos dispositivos móveis para o transportes urbanos nas cidades de Londres (Inglaterra), Nova York (Estados Unidos), São Paulo (Brasil) e Xangai (China).

O estudo também verificou como tal comportamento influencia o ramo da tecnologia e o consumo de conteúdo digital, além do crescimento do e-commerce.

Segundo ele, a crescente popularização dos dispositivos móveis – tal como smartphones e tablets – tornaram o trajeto entre o ponto de partida e o destino bem mais produtivo, uma vez que a maioria dos usuários aproveitam este tempo para entrar em contato ou ler/ouvir materiais de grande importância.

Aqui no Brasil, mais especificamente na cidade de São Paulo, 51% dos usuários de smartphones relataram que trocam trocam SMS, e-mails ou mensagens por aplicativos (WhatsApp e afins) durante o pecurso, enquanto que 48% deles navegam na internet e 39% usam redes sociais.

Além disso, 50% dos usuários de smartphone participantes da pesquisa em São Paulo relataram que usam recursos de música enquanto dirigem e 53% enquanto andam de ônibus.

O relatório também fez uma comparação entre são Paulo, Nova York, Londres e Xangai. Segundo ele, os paulistanos são os que levam mais tempo para se deslocar diariamente, com uma média diária de 2 horas. Apesar disso, por questões de segurança, eles não conseguem utilizar os servicços nos martphones com a mesma frequência que os passageiros das outras cidades.

Em Nova York e Londres, por exemplo, mais de 70% acessam a internet enquanto se deslocam pela cidade, enquanto a porcentagem na cidade brasileira é de 53%.

Julia Casagrande, especialista do Ericsson ConsumerLab da Ericsson na América Latina, acredita que “em todas as metrópoles analisadas, os usuários entrevistados gastam, semanalmente, 20% mais tempo se deslocando pela cidade do que em momentos de lazer. Estar conectado durante o trajeto, então, é considerado um requisito básico e uma forma de socialização. Mas, a cobertura de rede móvel no transporte urbano, muitas vezes, não está atendendo às necessidades desse consumidor.”, acredita a especialista.

O estudo também avaliou a satisfação do consumidor mediante a cobertura móvel nos transporte público e privado. Em São Paulo, 47% dos usuários de smartphones estão satisfeitos com a sua rede móvel para acessar a internet e redes sociais e 39% com a sua conexão para assistir a vídeos no transporte urbano.
A pesquisa apontou ainda que 43% dos paulistanos gostariam de usar mapas interativos de tráfego em seus descolamentos diários pela cidade.

“Os usuários querem informações mais atualizadas e interativas sobre o seu trajeto”, diz Julia. “Eles pedem para estar ‘sempre conectados’ e ter acesso a aplicativos mais personalizados para auxiliá-los a planejar e pagar as suas viagens com maior facilidade, e fazer com que o tempo de trânsito seja mais produtivo.”, finaliza a especialista.


Fonte: Notícias Administradores / Smartphones tornam trânsito mais produtivo, diz estudo

Os comentários estão fechados.