Você está em Flow?

Você está em Flow?

Um texto sobre motivação e estar no fluxo na sua carreira

Responda com sinceridade: hoje pela manhã você acordou feliz para ir trabalhar?

Você sabia que a maneira como se sente em relação ao seu trabalho pode determinar o seu desempenho nele?

Uma pesquisa de Stanford se concentrou no que eles chamam de “bom trabalho”, uma mistura poderosa daquilo em que as pessoas são excelentes, do que as engaja e dos seus valores – aquilo em que acreditam ser importante. Esta combinação é altamente envolvente: quando as pessoas amam o que fazem, a absorção na atividade é total! Este momento é o que chamamos de “estado de flow”.

Dificilmente as pessoas vivenciam o estado de flow na vida cotidiana. Na maioria dos casos, as pessoas oscilam entre momentos de tédio e estresse, com períodos ocasionais de total envolvimento e absorção. Somente 20 % das pessoas vivem o flow uma vez ao dia.  Isto não é assustador? Eu sempre me assusto com este número …

Mas como vivenciar mais momentos como este no seu dia-a-dia?

Um segredo é alinhar o que fazemos com o que gostamos. Eu sei: nem sempre isto é possível. Se você não trabalha ainda com aquilo que você gosta (eu indico você rever isto logo!), busque, mesmo assim, uma motivação na sua atividade atual. O que você faz bem hoje? Qual o propósito da sua atividade? Quem é beneficiado com ela? Quem você está ajudando com seu trabalho?  Ou ainda: que tal encontrar algo que te desafie nesta atividade?

Elevar o seu nível de motivação e entusiasmo com a atividade que você faz hoje, combinando o senso de propósito e aquilo que você faz bem, aproxima você da experiência de flow.  E isto não é papo furado, é encontrar uma razão maior no seu emprego, ainda que ele não seja o ideal, para que você possa sentir-se bem, apesar das condições externas.

E aí: você vai tentar?

Eu espero que sim!

Júlia Pacheco


Fonte: Artigos Administradores / Você está em Flow?

Os comentários estão fechados.