Você lida com introvertidos no trabalho?

Você lida com introvertidos no trabalho?

Saiba como eles podem influenciar a vida dos funcionários a sua volta e como o posicionamento correto é importante.

O ambiente de trabalho é o local onde as pessoas podem revelar suas verdadeiras facetas. Mentiras que são contadas no currículo, como a característica extrovertida de alguém, ou alguma habilidade com software que foi exagerada, acabam sendo descobertas na hora do trabalho. Isso é mais um motivo para sempre ser fiel a sua realidade, além de saber apreciar suas verdadeiras qualidades.

É no trabalho que se descobre o que uma pessoa é ou não capaz de fazer, se ela pode realmente se comprometer com suas funções e se possui uma boa relação com seus colegas. Existia uma tendência em acreditar que pessoas introvertidas, que são mais reservadas, possuíssem maiores chances de serem bem sucedidas nos seus ambientes de trabalho, exatamente por essa característica delas terem poucas e boas relações de amizade, além de focarem mais intensamente nas suas tarefas e terem uma sensibilidade maior, o que é importante para muitas carreiras. Entretanto, segundo um estudo realizado pela Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, indivíduos introvertidos possuem tendência a darem avaliações de desempenho mais baixas, além de pouco crédito ou recomendações, para quem é extrovertido, sendo que o contrário não acontece.

Dessa forma, pode-se perceber um desequilíbrio no espaço profissional, o que não é saudável nem para a empresa, e nem para o funcionário. De acordo com Madalena Feliciano, diretora de projetos da empresa Outliers Careers, as diferenças são necessárias, e, por isso, devem ser amplamente respeitadas. “Essa característica apresentada no estudo demonstra uma falta de respeito mútuo. Só porque um funcionário é mais extrovertido que outro não quer dizer que suas habilidades são menores ou menos valiosas”, comenta.

Ela explica que, ao passo em que o introvertido possui uma capacidade de concentração maior, ele não consegue trabalhar em ambientes barulhentos. Por sua vez, os extrovertidos se dão melhor em dinâmicas de grupo, apesar de não conseguirem focar em uma só função por muito tempo. “Possuir pessoas de todos os tipos e personalidades dentro de uma equipe só a enriquece. Assim, novas soluções ou ideias podem ser pensadas, garantindo melhores resultados para sua empresa”, afirma.

Madalena pontua que é dever dos superiores garantir que todos sejam bem colocados na empresa, de acordo com suas características e habilidades. “Por meio de ferramentas de gestão e de coaching, por exemplo, é possível determinar onde o funcionário ficaria melhor posicionado. Esses métodos evitam desentendimentos e baixa produtividade, podendo melhorar, futuramente, a situação financeira da empresa ao alcançar melhores resultados”, conclui.


Fonte: Notícias Administradores / Você lida com introvertidos no trabalho?

Os comentários estão fechados.