Você precisa se tornar um nexialista em marketing

Você precisa se tornar um nexialista em marketing

Vivemos em uma das épocas mais inquietantes de todos os tempos – tudo muda o tempo todo e muito rápido. Adaptação é a palavra de ordem da vez seguidas de vários outros imperativos: inovação, criatividade, comunicação, aproximação, etc.

O consumidor empoderado nos exige mais e expões nossas fraquezas quando não os atendemos da maneira adequada. O que fazer neste ambiente? A resposta é simples: olhar toda cadeia de valor de uma marca e buscar soluções e oportunidades de melhoria de maneira contínua.

Quando estudamos marketing na graduação, somos apresentados à um composto denominado de mix marketing (os famosos 4Ps). Devo lhe informar que essas variáveis não são mais suficientes em nosso mercado. É preciso estar atento e aprender novas técnicas e teorias que nos ajudarão na prática. Os analfabetos do século 21 não serão aqueles sem condições de ler ou escrever, mas aqueles incapazes de aprender, desaprender e reaprender.

Antes, a comunicação e relação com os consumidores era linear, hoje passam a ser interativa, rápida, imprevisível, e caótica – e isso nos exige olhar o mercado de maneira holística.

Olhar o mercado de maneira holística é ter a capacidade de perceber as reconfigurações da sociedade, os novos hábitos, padrões, costumes, necessidades e desejos, e agir de forma rápida para atender. Precisamos olhar para dentro da empresa: produtos, serviços, entregas, comunicação, pessoas, processos e tudo o que impacta nossos resultados e refinar sempre cada item desses. Ser especialista já não basta, é preciso ser nexialista, integrar de maneira harmônica e sequencial as diversas disciplinas e áreas de uma empresa, de forma que, os resultados possuam nexos entre si e gere sempre a satisfação do cliente.

Pense nisso! Olhe o todo, mude, aprenda, integre e gere valor com nexo!


Fonte: Artigos Administradores / Você precisa se tornar um nexialista em marketing

Os comentários estão fechados.