Vontade, competência e oportunidade

Vontade, competência e oportunidade

Qual dessas três definem melhor o sucesso de uma carreira profissional?

Muitos profissionais reclamam da sorte e da falta de oportunidade.

Vamos analisar o que seria necessário para uma carreira profissional de sucesso:

– Vontade: se formos analisar os grandes empresários e os profissionais que fizeram sucesso veremos que nem todos tiverem incentivo ou apoio financeiro e nem todos tiveram uma vida fácil e cheia de comodidades. Pelo contrário, muitos tiveram que passar por situações difíceis, humilhantes, muitas horas de trabalho e muita persistência. Mas em todos nota-se um fator em comum: a vontade. Podemos definir vontade como falta de preguiça, vontade de vencer que não se prende a obstáculos, persistência para conseguir objetivos a longo prazo. Hoje vemos muitos jovens que ingressam no mercado de trabalho querendo todas as facilidades possíveis, altos cargos e altos salários e sem vontade de vencer dificuldades e obstáculos e de realmente trabalhar, fazer acontecer. Tudo fruto de uma educação equivocada, de uma cultura onde se dá bem quem sabe levar vantagem e de uma mídia que torna heróis pessoas que em nada contribuem para o bem estar da humanidade como um todo. Tudo isso vai acabando com a vontade, com a motivação, com o empenho de querer fazer cada vez mais e melhor.

– Competência: nesse quesito irei dividir em dois tipos de competência sendo que um seria o da personalidade e outro seria o adquirido através do conhecimento prático e teórico. A competência vinda da personalidade seria aquela inerente a cada ser humano que seria aquele dom especial, aquela aptidão natural, aquela personalidade cativante e dinâmica, o caráter, o dom de fazer amigos e conquistar pessoas. A competência vinda do conhecimento prático seria aquela que aprendemos no dia a dia, fazendo coisas, realizando tarefas e trabalhos. A competência vinda do conhecimento teórico seria nossa formação escolar, pelos cursos que fazemos, pela faculdade, pós graduação, mestrado e doutorado, e também pelos livros que lemos enfim por toda a informação que chega até nós.

– Oportunidade: esse é um fator do qual temos controle apenas em parte. Existem oportunidades para quem sabe aproveitá-las. Muitas vezes estamos diante de uma oportunidade mas por falta de vontade ou competência não conseguimos enxergá-la. Nesse campo entra também o fator sorte que é a oportunidade certa na hora certa. Dessa não temos controle. Muitos conseguem transformar crise em oportunidade, fracassos em oportunidade de aprendizagem e conhecimento, enfim depende muito do estado de espírito de cada um, de seus valores e do modo de encarar a vida e seus muitos desafios. Se vermos a vida como uma escola onde a função principal é a aprendizagem então tudo o que nos acontece é válido para nosso crescimento pessoal e espiritual.

Enfim, analisando tudo isso podemos ter um parâmetro do que impede a nossa carreira profissional de nos trazer felicidade e satisfação. Quais dessas três características é realmente a mais importante?

Vamos nos observar mais e sermos os maiores avaliadores de nós mesmos e de nossas atitudes, de nossos acertos e falhas. Quem sabe descobrimos o que realmente nos falta?


Fonte: Artigos Administradores / Vontade, competência e oportunidade

Os comentários estão fechados.